Skip to content

Tarifa Social de Energia Elétrica Descubra como Funciona





A tarifa social de energia elétrica é um item muito importante para todos os cidadãos.

Ou seja, logo de início podemos ver o quanto falar sobre tarifa social é relevante para você e que está relacionado ao valor de tarifa de energia elétrica.

Desta maneira vamos neste artigo ajudar você leitor a saber tudo sobre a tarifa social bem como saber quem tem direito a tarifa social de energia elétrica e como funciona este processo.




Além disso ao longo do artigo vamos descobrir como conseguir a tarifa social de energia.

Continue acompanhando e saiba mais!

Sendo assim confira abaixo os tópicos que serão apresentados ao decorrer do texto:

Tarifa Social de Energia Elétrica


Fique atento a todo o artigo e ao final compartilhe com seus amigos e familiares tudo sobre a tarifa social de energia elétrica.

O que é Tarifa Social?

Você deve estar se perguntando: o que é tarifa social de energia elétrica?




Em suma este é um assunto ainda pouco conhecido pela população brasileiro e que merece uma atenção de todos nós.

A tarifa social de energia elétrica existe a alguns anos já e foi criada pelo Governo Federal.

O objetivo da tarifa social é que as famílias de baixa renda aprendam a como conseguir desconto na conta de luz, para que isso encaixe-se na sua condição financeira.

Ou seja, o Governo Federal a partir da tarifa social de energia elétrica oferece descontos no pagamento de luz para as famílias de baixa renda.

Entretanto a tarifa de energia demanda de uma taxa mínima de luz, não podendo ultrapassar 220 kwh/mês.

O desconto na conta de luz é fundamental para famílias que tem uma condição financeira precária, principalmente para famílias que já são cadastradas no Bolsa Família.

Para participar do desconto na tarifa social de energia elétrica é preciso estar cadastrado no Cadastro único, do Governo Federal.

Você pode saber mais sobre isso no artigo: → Tudo o que você precisa saber sobre o Cadastro Único do Governo Federal.

Este programa permite que inúmeras famílias brasileiras possam manter a sua conta de energia elétrica em dia, evitando cortes.

Como Cadastrar o NIS na Tarifa Social

O NIS é o número de identificação social, muito conhecido por ser usado no Bolsa Família dentre outros programas do Governo.

O direito de energia ao cidadão então, pode ser garantido pela tarifa social de energia elétrica.

Contudo é necessário estar cadastrado no programa de tarifa social.

Desta forma, se você deseja se cadastrar na tarifa social de energia elétrica e ter acesso a um cadastro com desconto na conta de luz, fique atento aos passos abaixo.

Passo #1 – Em primeiro lugar você deve dirigir-se até a unidade de atendimento da sua companhia de energia elétrica ou se informar se o cadastro pode ser feito pela internet.

Passo #2 – Posteriormente é necessário ter em mãos os seguintes documentos:

  • Documento de identificação com foto do titular da conta
  • CPF do titular da conta
  • NIS – Número de Identificação Social
  • NB – Número do Benefício para famílias

Se for família indígena, é necessária apresentação do RANI (Registro Administrativo de Nascimento Indígena)

Para famílias com portador de patologia ou doença que necessitam do uso de aparelhos elétricos é necessário o relatório e atestado do médico, verificado pela Secretaria de Saúde do município.

Passo #3 – Agora que você está munido dos documentos necessários, solicite ao atendente que você deseja fazer o cadastro na tarifa social de energia elétrica.

Passo #4 – Preencha todos os dados necessários que lhe forem solicitados e efetuar cadastro.

Continue acompanhando e saiba quais são os requisitos para poder fazer o cadastro na tarifa social de energia elétrica.

Quem tem Direito a Tarifa Social de Energia Elétrica?

Anteriormente aprendemos como fazer o cadastro na tarifa social de energia elétrica.

Sendo assim precisamos entender melhor quem tem direito a ser baixa renda na conta de luz.

Primeiramente é fundamental que a família esteja cadastrada no Cadastro Único do Governo Federal.

Nós falamos sobre ele em um artigo especial, veja mais sobre ele em Cadastro Único.

Entretanto além de possuir Cadastro Único no Governo, é obrigatório que a família tenha renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa inscrita.

Ressalta-se que as pessoas da família precisam estar inscritas no Cadastro Único.

Além disso para participar da tarifa social de energia elétrica, o integrante da família pode também ter o Benefício de Prestação Continuada (BPC) que dá direito a descontos na conta de luz.

Todavia, entende-se por famílias de baixa renda as que possuem os seguintes requisitos abaixo:

  • Famílias inscritas no Cadastro Único do Governo, possuindo renda familiar mensal menor ou igual a um salário mínimo por pessoa.
  • Famílias inscritas no Cadastro Único da Prefeitura que possuam renda mensal de até três salários mínimos com um dependente de energia elétrica devido a patologias.
  • Idoso ou deficiente que possua o Benefício de Prestação Continuada
  • Família indígena ou quilombola

As famílias que desejam saber como se cadastrar na tarifa social de energia elétrica devem primeiramente seguir os requisitos acima.

Tarifa Social COELBA

Em síntese nós já entendemos de maneira clara o real significado da tarifa social de energia elétrica.

Desta maneira você sabe que deve procurar o posto de atendimento da prestadora de serviços elétrico da sua cidade.

Se você é do estado da Bahia, sabe que existe também a tarifa social COELBA.

Os descontos da tarifa social COELBA são decrescentes e cumulativos, sendo proposto até a conta chegar no consumo de 220kwh/mês.

Para as famílias de baixa renda, é concedido o desconto da tarifa social COELBA da seguinte forma:

  • 0 á 30 kWh/mês – 65% de desconto
  • De 31 até 100kWh/mês – 40% de desconto
  • De 100 a 220 kWh/mês – 10% de desconto

Para os clientes indígenas ou quilombolas a tarifa social COELBA funciona de forma um pouco diferente, veja abaixo:

  • 0 á 50kWh/mês – 100%
  • De 51 a 100kWh/mês – 40%
  • De 101 a 220kWh/mês – 10%


Para cadastrar-se, basta clicar em Cadastro Tarifa Social COELBA.

Tarifa Social CPFL

O cadastro baixa renda de energia também pode ser feito na CPFL.

Sendo assim muitos clientes da CPFL podem pagar a taxa mínima de energia elétrica ou até serem isentos.

Para fazer o cadastro da tarifa social de energia elétrica na CPFL, basta acessar ao site da companhia em www.cpfl.com.br e buscar por Cadastro Baixa Renda.

Sendo assim você terá acesso a página de cadastro da tarifa social de energia elétrica e poderá saber como obter energia elétrica com desconto.

Tarifa social CEMIG

 

 Tarifa social CEMIG

A tarifa social de energia elétrica também é bem vista pela CEMIG.

Conforme as outras companhias de energia, a tarifa social CEMIG solicita cadastro único dos usuários que pretendem entrar no programa para desconto na conta de luz.

Os valores para cadastro baixa renda na CEMIG são:

  • De 0 até 30 kWh – 65% de desconto
  • De 31 até 100kWh – 40% de desconto
  • De 100 a 220 kWh – 10% de desconto

Entretanto para clientes indígenas e quilombolas:

  • 0 até 50kWh – 100%
  • De 51 a 100kWh – 40%
  • De 101 até 220kWh – 10%

Caso estes valores sejam ultrapassados, você precisa identificar como reduzir conta de luz pela metade e voltar a usufruir do programa tarifa social.

Para saber mais, acesse o site oficial da CEMIG e obtenha mais informações:
https://www.cemig.com.br

Tarifa CEMIG

Tarifa social Energisa

A tarifa social de energia elétrica é também encontrada na Energisa. Desta forma, os clientes de baixa renda da Energisa podem efetuar o cadastro.

É fundamental lembrarmos que para fazer o cadastro da tarifa social de energia elétrica, as famílias devem estar inscritas no Cadastro Único do Governo Federal.

Para saber mais sobre este procedimento, leia todas as informações levantadas no texto Cadastro Único.

Sendo assim, os valores da Energisa para tarifa social de energia elétrica são mantidos no mesmo padrão das outras companhias de energia citadas acima: COELBA, CPFL e CEMIG.

energisa

Finalmente você cidadão pode aprender melhor sobre os benefícios que famílias de baixa renda tem em relação a energia elétrica.

Desta forma conhecemos mais sobre a tarifa social de energia elétrica.

Compartilhe este artigo na sua rede social e informe ainda mais pessoas sobre este cadastro.

Para finalizar, assista ao vídeo abaixo sobre a tarifa social de energia elétrica!